Seguidores

quarta-feira, 31 de julho de 2013

Eu e você pra sempre...


Sinta o nosso amor meu Grandão, o amor de nossas vidas, nosso encontro que sempre digo que foi trilhado há séculos, em outras vidas... Pois nos sentimos tão bem juntos...
Dai eu te pergunto:



Em meio a tantos pensamentos, sentimentos e sensações... Tinha que ser amor?! E eu sei que é um amor gostoso de sentir, viver, esperar.
Podia ser só amizade, paixão, carinho, admiração, respeito, ternura, tesão, qualquer um desses sentimentos... Loucos sentimentos...
E antes todos arrumados cuidadosamente na prateleira de cima de nossas vidas e tinha de ser justo amor, meu Deus? E que amor é esse? Tão bom de se sentir...
Porque quando fecho os olhos, é você quem eu vejo por todos os lados, seja em cima, embaixo, por fora e por dentro de mim.
Abrindo todas as janelas para um mundo nada calmo ou pacato e sim todo cheio de expectativas, planos e até devaneios...


Ao seu lado o mundo tem cores novas, cores essas que invadem meu caminho, meus sonhos, meu mundo, nossas aventuras tão bem vividas.
E tudo fica melhor quando você sorri comigo e em meus sonhos, me morde, fala grosso, conta histórias, me tira do sério, faz ares de palhaço, conta seus segredos, ilumina meus pensamentos por onde passo todos os dias, me faz cócegas, morde de novo, judia e massageia. Brinca e gargalha com a mesma intensidade com que fica sério e quando fica sério dá um frio na barriga e um medo danado.
Daí descubro que é com você agora que quero dividir tudo, até minhas maçãs, comer pipocas na cama, castanhas de caju na rua, achar o fim do arco-íris, andar de mãos dadas na beira da praia e acordar plenamente feliz!



É com você que quero brindar o próximo Ano Novo, ou antes disso comer pipoca ao lado de uma imensa fogueira.
É com você que quero brincar com os cachorros, lavar quintal, tomar banho de mangueira, de chuva, de mar.
É com você que quero acordar com os lençóis desalinhados, a cama desarrumada, os travesseiros no chão.
É com você que quero juntos cozinhar, chamar os amigos, servir, brindar nosso amor aos quatro cantos do Universo, sem receio, sem medo, sem ter aquela sensação de que “não é certo”, mas o que é errado?
É com você que quero trilhar caminhos, andar de mãos dadas, ir ao cinema, pescar, comer castanhas de caju.
É com você que quero cantar velhas canções, descobrir novos filmes de amor, chorar e sorrir com as histórias de vida que nos trazem uma mensagem qualquer.
É com você que quero abrir a janela do quarto, olhar pra trás e te ver sorrindo ou apenas dormindo.


É para já que preciso com você contar as descobertas, alisar seu peito, preparar uma massa, sentir seus abraços, seu cheiro, você!!.
“Claro, o dia de amanhã cuidará do dia de amanhã e tudo chegará no tempo exato. Mas e o dia de hoje?”
Não quero saber de medo, paciência, tempo que vai chegar.
Quero ser feliz HOJE!!!

Casa comigo! Logo!

terça-feira, 30 de julho de 2013

Relembrando palavras de Chico Xavier


A sua irritação não solucionará problema algum...
As suas contrariedades não alteram a natureza das coisas...
Os seus desapontamentos não fazem o trabalho que só o tempo conseguirá realizar.
O seu mau humor não modifica a vida...
A sua dor não impedirá que o sol brilhe amanhã sobre os bons e os maus...
A sua tristeza não iluminará os caminhos...
O seu desânimo não edificará ninguém...
As suas lágrimas não substituem o suor que você deve verter em benefício da sua própria felicidade...
As suas reclamações, ainda mesmo afetivas, jamais acrescentarão nos outros um só grama de simpatia por você...
Não estrague o seu dia.
Aprenda a sabedoria divina,
A desculpar infinitamente, construindo e reconstruindo sempre...
Para o infinito bem!

Chico Xavier

Relembrando as palavras de Gandhi...


Você deve ser a mudança que quer ver no mundo...
Viva como se fosse morrer amanhã.
Aprenda como se fosse viver para sempre.
Discordar honestamente pode ser um bom sinal de progresso rumo ao entendimento.
A liberdade não tem valor se não incluir a liberdade de cometer erros.


Onde há amor, há vida.
As coisas que podem nos destruir são: política sem princípios, prazer sem consciência, riqueza sem trabalho,  conhecimento sem caráter, negócios sem moralidade, ciência sem humanidade e adoração religiosa sem sacrifício.
A disciplina, quando não é baseada na não-violência, pode se tornar uma fonte de inúmeros males.
O amor é a força mais sutil que há no mundo.
A força não vem da aptidão física. Ela é o resultado de uma vontade indomável.
A verdade sem humildade torna-se uma caricatura arrogante.
A verdadeira não-violência deve ser o resultado de uma completa liberação da raiva, ódio, má vontade. Deve ser um amor compassivo por todos

segunda-feira, 29 de julho de 2013

A função do medo...

Estando preocupada demais com a saúde do Grandão, por um problema que ele tem, fiquei pedindo a Deus que lhe mostre o melhor caminho, pois acredito que somente a cirurgia irá resolver o que lhe aflige, porem o medo sempre mexe com a gente.
Daí me apego demais no meu lado espírita e sei que logo encontraremos uma saída.
Em todas as minhas orações, peço que exista sempre muita calma e luz ao meu amor.
Encontrei algo hoje, que serviu direitinho pra gente:
 
A função do medo

A vida é preciosa demais para permitir que o medo a detenha.
A função do medo é preparar você, e não segurá-lo.
O medo aguça seus sentidos, direciona sua mente, afia seu julgamento e aumenta seu nível de energia.
O medo lhe dá condições de aceitar desafios.
Conheça seu medo, extraia dele forças e vá em frente com o poder que ele lhe dá.
No medo do fracasso estão os instrumentos para o sucesso.
No medo da humilhação está a energia para expressar-se com eloquência.
No medo da rejeição você achará a energia para perseverar.
Mas apenas se você não permitir que o medo o detenha.
Em muitas ocasiões, o medo vai ajudá-lo a fazer mudanças positivas em sua abordagem.
Mas o medo pode ser desperdiçado se você permitir que ele o detenha.
Use o seu medo para agir com mais rapidez e inteligência, e não para fugir.
E EXERCITE BEM A SUA CORAGEM.
(Redação Momento Espírita)

domingo, 28 de julho de 2013

Um novo dia...

 
Um novo dia, virar a página da tristeza, afinal a vida segue em frente e querer bem é um dom de poucos. Me desculpe aos que posso ter magoado ao longo da vida, mas não sou perfeita e nem tenho pretensão a isso, sou uma pecadora nata.
E as vezes tomo atitudes por impulso.
Nada como uma boa noite de sono, grandes reflexões, ponderar sobre a real intenção deste cantinho, feito com tanto amor, tanto carinho, tantos sonhos e desejos.
A vida está aí, para ser vivida, sentida, aproveitada.
Errar faz parte.
Cair e levantar também faz parte.
Sonhar e acordar para a realidade também faz parte.
Acreditar que as orações feitas a Deus nos eleva, nos fazem parar para pensar.
Quero um caminho trilhado na paz, na harmonia, no entendimento e naquilo que "eu" acredito, pois o mundo gira ao redor de todas as pessoas e não a uma apenas.
Quero trilhar minha vida ao lado do meu amor, meu Grandão que tanto me ajuda, que tanto compreendo e tento ajudar no que eu posso, no que eu sei que devo.
Opiniões vão sempre existir, mas cada um tem a sua, não posso sempre agradar a todos, nem Jesus Cristo consegui, o crucificaram, não é mesmo?
Quero viver o meu amor, do jeitinho que está, nem mais e nem menos, pois se está durando mais de 10 anos, é pq de alguma maneira nos agrada muito.
Acordei, pensei, refleti e descobri que este BLOG é para falar do meu amor vivido até aqui e das tristezas e alegrias que todo amor enfrenta.
Apenas isso!
E óbvio tomar cuidado para não pecar no exagero das palavras, minhas ou não.

sábado, 27 de julho de 2013

Rio - Oceano (Assim como meu amor)


RIO – OCEANO

Diz-se que, mesmo antes de um rio cair no oceano, ele treme de medo.
Olha para trás, para toda a jornada: os cumes, as montanhas, o longo caminho sinuoso através das florestas, através dos povoados, e vê a sua frente um oceano tão vasto que entrar nele nada
mais é do que desaparecer para sempre.


Mas não há outra maneira.
O rio não pode voltar.
Ninguém pode voltar.
Voltar é impossível na existência.
Você pode apenas ir em frente.


O rio precisa se arriscar e entrar no oceano.
E somente quando ele entra no oceano é que o medo desaparece, porque apenas então o rio saberá que não se trata de desaparecer no oceano.
Mas tornar-se oceano.
Por um lado é desaparecimento e por outro lado é renascimento.
Assim somos nós.


Só podemos ir em frente e arriscar.
Coragem!!!
Avance firme e torne-se Oceano!!!

E assim, trilhando como o rio os diversos caminhos até chegar ao mar... meu amor pelo Grandão é assim, se arrisca, tem medo, enfrenta os desafios, mas segue... juntos iremos desfrutar o imenso mar de uma vida juntos, dividindo, somando, acrescentando a cada novo dia a felicidade de uma vida... A Nossa vida!!!

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Pelo dia da vovó... Meus tesouros que me tornaram uma...


Se a Mariana imaginasse que a Bellinha iria fazer isso... (rs*)

Mas, elas se amam demais!!!!
E eu? bem eu sou suspeita....

Minha alma e a sua...

Diante dele me dispo do mundo, não preciso de roupas, conhecimentos, virtudes, orgulho...beleza. Caem todos os véus e mostro minha alma nua.


A qualquer momento ele me espera, me recebe, me acolhe. Não é preciso palavras, basta fechar os olhos para percebê-lo, para sentir que ele me aceita por inteira, sem buscar a perfeição em cada parte do meu corpo...não preciso falar, sorrir, ou olhar para conquista-lo, me basta ser.
A cada passo que dou a seu encontro, sinto sua força delicadamente tocar meu ser, envolver meu corpo por completo, inconscientemente relaxar meus medos e angustias. Ele não questiona o motivo, nem com que propósito eu o procuro, ele não quer explicações....apenas me quer, me aceita e me envolve.
No seu balanço incessante repouso meu ser, minha alma... caem as armaduras que me protegem do mundo, elas não são necessárias...no nosso encontro é preciso apenas que eu seja simples e puramente eu, e isto basta
Dispo-me de qualquer orgulho, de qualquer mágoa, e ou ressentimento para deixar florescer o meu sentimento mais puro!
É o que tenho de melhor, guardado a chaves em meu peito. Preconceitos, cobranças e julgamentos, joguei fora.
Não faço promessas nem a mim mesma, mas luto com todas as armas que tenho para criar um futuro diferente.
O futuro é incerto, mas não é só o meu.


O segundo seguinte é uma incerteza ou até a louca certeza...
Como num disco de dados!
E o sabor dos beijos... a sensação de pele com pele... suor!
Os risos! Sensação maravilhosa de dar e sentir prazer.
Hummmm!
A sensação inebriante do êxtase!
O cansaço que vem depois, seguido de languidão...
Ah! A conquista! O teu olhar cativou-me. Estou presa a ti.
Não quero ouvir nada, pois que palavras são desnecessárias quando estou em você.
Em você! É isso mesmo! Basta-me sentir a tua respiração.
De você quero ouvir somente as batidas do teu coração, enquanto repouso a cabeça em teu peito.
As mãos! Sim! As mãos quero sentir! Por todo o meu corpo. Não haverá de ficar um pedaçozinho em desvantagem.
União de valores sem o peso da cobrança. União de anseios e projetos. Esperança! Jamais desistirei de você.
Dispa-se para mim, mas não somente as roupas! Mostra-me o seu coração, assim por inteiro, nu, sem armaduras de proteção!
Confiança!
Eu posso fazê-lo feliz!

quinta-feira, 25 de julho de 2013

Beijo, beijo, beijo....

Será que a gente precisa ter "Motivação" para beijar? Hoje eu estava ouvindo umas meninas dizendo que não gostam de beijar ninguém... Que beijo é nojento, que não revela nada! Ah! Sou suspeita, pois adoro os beijos do meu Grandão, gosto de quando ele sente saudades e me beija muito, afinal não precisamos de nenhuma motivação, nós temos desejos, nós temos vontades, nós gostamos daquilo que vem depois do beijo... E nossos beijos revelam o quanto gostamos um do outro.

Ora, o beijo acontece sem dia, sem hora, sem data especial. Pra mim, tem sentimento nobre, pleno e gostoso demais!
O beijo acontece como se fosse “normal”. O beijo pode ser dado, roubado, sonhado… etc e tal.
Mas, se for sem amor, perde o encanto. É só beijo e ponto.
Beijar na boca, só o canto, pra enganar, disfarçar… Beijar e cai em prantos.
Beijo não precisa de dia, nem de comemoração, beijo bom é o compartilhado. Sem pudor, com coração.


Beijo: a linguagem internacional do amor.


Nem sempre é assim… E se não for, só gera um nada. Não é beijo pra mim.
Quando se fecha os olhos para enxergar todas as cores é beijo sincero. É o que mais quero em pleno inverno, verão, outuno, primavera... tempestade e calmaria... Calor que borbulha o sangue, parece eterno. É importante antes de tudo, para tudo, com tudo. Não dá pra ficar em cima do muro. Ou beija, ou não se entrega.

E nesta indecisão, o importante mesmo é sentir o coração. Pulsando, pulsando, pulsando… Sonhando…
Um beijo lembrado, outros esquecidos. Ainda bem.... Ainda bem!
Beijo esquecido é beijo não dado.
O que fica não se justifica por ter sido bom, Não foi beijo, beijo tem que ser gostoso!
Fica por ter sido intenso, por ter sido verdadeiro, por ter sido com amor. Beijo este é tão especial que ninguém duvida… Este que fica por toda a vida. Beijo que faz tudo passar…
Ahhh este... Bom, este beijo que fica!

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Como é bom sonhar!!!

Ah! como é bom sonhar.... Como é gostoso acreditar num sonho... Como é bom ser criança, não precisar pensar em nada que não seja brincar, estudar, passear, comer chocolate, nadar numa piscina imensa, ter muitos brinquedos, saber usar o computador e não precisar de "nenhuma" responsabilidade... só a de ser educada, não bagunçar muito a casa e guardar os pertences nos lugares certos.


Ah! Como é bom sonhar... Acreditar que algum dia muitos deles possam ser a mais doce realidade!!!

Sempre digo ao Grandão que ele é um de meus sonhos realizados mais deliciosos, ao seu lado fiz coisas que nunca ousei pensar viver... Tudo muito bom em nossas viagens, e nas que faremos um dia, nas nossas risadas, nas brincadeiras de nós dois.
Estamos programando para breve um final de semana só nosso, mas o tempo não anda ajudando muito, inclusive até pedi para um dia sairmos com uma das pequenas, mas o frio não tem deixado, mas tudo tem o tempo certo, o momento, a hora e até o lugar, acredito que só de estarmos juntos é bom demais!
Como dizia Fernando Pessoa:

Dever de Sonhar

Eu tenho uma espécie de dever, dever de sonhar, de sonhar sempre,
pois sendo mais do que um espetáculo de mim mesmo,
eu tenho que ter o melhor espetáculo que posso.
E, assim, me construo a ouro e sedas, em salas
supostas, invento palco, cenário para viver o meu sonho
entre luzes brandas e músicas invisíveis.



E o melhor sobre "Sonhar" visto por Clarice Lispector:

Há momentos na vida em que sentimos tanto a falta de alguém que o que mais queremos é tirar esta pessoa de nossos sonhos e abraçá-la.
Sonhe com aquilo que você quiser.
Seja o que você quer ser, porque você possui apenas uma vida e nela só se tem uma chance de fazer aquilo que se quer.
Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.
As pessoas mais felizes
não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos.
A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam.
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
E para aqueles que reconhecem a importância das pessoas que passam por suas vidas.
O futuro mais brilhante é baseado num passado intensamente vivido.
Você só terá sucesso na vida quando perdoar os erros e as decepções do passado.
A vida é curta, mas as emoções que podemos deixar duram uma eternidade.
A vida não é de se brincar porque um belo dia se morre.

Por assim dizer, gosto de sonhar, sei que minhas filhas, minhas netas, a filha do Grandão, sonham num dia encontrarem a tão sonhada realização, a tão sonhada paz!

terça-feira, 23 de julho de 2013

Obrigada pelo seu amor...

Grandão!!! Obrigado Pelo Seu Amor !!!

Eu queria de alguma forma explicar a alegria que tenho em meu coração por ter você ao meu lado quando pode, por poder dizer que juntos agora somos um, mesmo que de um jeito tão inusitado.
Queria ter palavras para definir o que sinto por você, mas nem o maior filósofo ou pensador saberia fazer e acredito que até ele ficaria surpreso.
Sentimento que dá aos meus olhos em brilho nunca visto antes, que faz meu coração bater acelerado quando te encontra e que quase para quando te abraça.
Sentimento que causa a mistura das melhores emoções que uma pessoa pode sentir, que não vê beleza maior que a sua e não encontra lugar melhor no mundo que estar nos seus braços, sentir seu cheiro, o roçar da barba por fazer... Uma delicia!
E por sentir-me assim, preciso te dizer obrigado.
Obrigado por me fazer sentir as melhores sensações que se pode sentir, por me fazer subir ao céu sem nunca ter saído da terra, por me tornar a pessoa mais feliz e mais bela quando me chama de um jeito só seu. Por preencher todos os espaços do meu coração.
Obrigado por devolver a cor ao meu mundo, por me mostrar um sentimento tão belo e puro, que hoje me faz viver e querer estar viva todos os dias para estar ao seu lado.
Obrigado por me amar assim, por me fazer feliz e por me deixar te amar. Por me permitir ao menos tentar retribuir um pouco do tudo que você me dá, mesmo eu sabendo que nunca será o suficiente.
Obrigado por ser assim, por simplesmente existir, por ser simplesmente você que é uma grande alegria pra mim !!!

segunda-feira, 22 de julho de 2013

O amor nos dá vida

O amor nos dá vida

O amor se faz presente quando a ausência é mais forte.
O amor se faz mais próximo, quando a distância aumenta.
O amor se faz mais carinhoso, quando estamos mais carentes.
O amor se faz mais gentil, quando estamos nervosos.
O amor não cobra nada além do próprio amor.
O amor torce, comemora, vibra e apoia.
O amor nos faz tão grandes, mesmo sendo tão pequenos,
o amor edifica um lar, constrói pontes e une nações.
O amor é tão poderoso, que se esconde na humildade dos sentimentos.
E para quem ainda não sabe o que é o amor,
a vida fica meio vazia, parece que falta um pedaço.
O amor nos completa e nos dá um sentido, cria laço.
O amor é a própria vida, nosso destino,
como brinquedo desejado pelo menino.
Que você se encha de amor, e amando-se,
possa amar sem medidas, com felicidade,
além do próprio tempo, pela eternidade.
(Paulo Roberto Gaefke)

Ser fiel...



Ser fiel não é um ato bonito, não é uma ação pedida para sermos considerados moralmente incondenáveis. Ser fiel  nem ao menos entra na gama das qualidades.
A fidelidade vem de perto seguida pela honra, pela justiça, pelo bom nome, não o da reputação, mas o bom nome de seu caráter, pois reputação é o que você fez e o que consequentemente as pessoas pensam disso.
Caráter é o  que você realmente é hoje, sem apoios de ações passadas.
Ser fiel a algo, não é manter-se vigilante a isso por 24hs,  pra não pecar e errar em algo que possa ser considerado infidelidade ao seu propósito, vai além da vigilância.
Ser fiel não é deixar de abrir portas pelo medo de acabar sendo seduzido, seja por quais motivos forem.
Aquele que em determinado passo da vida, para permanecer fiel a algo, faz esforço desumano, já deixou de ser fiel, somente não sabe disso ainda.
A fidelidade inexiste quando o caráter é alterado de forma tal que a honra é corrompida, e isso gera a incapacidade de manter fidelidade.
A fidelidade não é um ato, é um fruto.
Ela é uma conseqüência de um propósito bem cuidado e conhecido.
 A fidelidade é o fruto que quando olhamos pra dentro de nós, nos dá prazer de tê-la, pois ela nos remete a um sentido, nos informa que a razão de ser permanece lá.
Quando sentimos tentação de ser infiel, e esta tentação nos faz pensar em possibilidades pra ser, a fidelidade já não existe, pois o ato tentatório já corrompeu a honra e mudou o caráter.
Fidelidade não é qualidade.
Fidelidade, enquanto não forçada, é fruto de um caráter sólido e de uma honra irrepreensível.



Fidelidade, entrei num estágio de minha vida, que quero que exista até quando a morte nos separe....

Culpado ou inocente



UMA ANTIGA LENDA

Conta uma antiga lenda que na Idade Media um homem muito religioso foi injustamente acusado de ter assassinado uma mulher. Na  verdade, o autor  era  pessoa influente do reino e por isso, desde o primeiro  momento se  procurou  um "bode expiatório" para acobertar o verdadeiro  assassino. O homem foi levado a julgamento, já temendo o resultado: a forca. Ele  sabia  que tudo iria ser feito para condena-lo e que teria  poucas chances de sair vivo desta historia. O juiz, que também estava combinado para levar o pobre homem  a morte, simulou um julgamento justo, fazendo uma proposta ao acusado que provasse  sua inocência. 


Disse o juiz: sou de uma profunda religiosidade e por isso vou deixar sua sorte nas mãos do Senhor: vou escrever num pedaço de  papel  a palavra  INOCENTE e no outro pedaço a palavra CULPADO. Você sorteara um dos papeis e aquele que sair será o veredicto. O Senhor decidira seu destino, determinou o juiz. Sem que o acusado percebesse, o juiz preparou os dois papeis, mas em ambos  escreveu CULPADO de maneira que, naquele instante, não existia nenhuma chance do acusado se livrar da forca. Não havia  saída.  Não havia alternativas para o pobre homem. O juiz colocou os dois  papeis em uma mesa  e mandou o acusado escolher um. O homem pensou  alguns segundos e pressentindo a "vibração" aproximou-se confiante da  mesa, pegou um dos  papeis e rapidamente colocou na boca e engoliu. Os  presentes ao julgamento  reagiram surpresos e indignados com  a atitude  do homem. "Mas o que você fez?" E agora? Como vamos saber qual seu veredicto?" "E muito fácil", respondeu o homem. "Basta olhar o outro  pedaço que sobrou  e saberemos que acabei engolindo o contrario." Imediatamente o homem foi liberado. 

MORAL DA HISTORIA: Por mais difícil que seja uma situação, não deixe de  acreditar ate o ultimo momento. Saiba que para qualquer problema ha sempre  uma saída. Não desista, não entregue os pontos, não se deixe derrotar. Persista, vá  em  frente apesar de tudo e de todos, creia que pode conseguir.

Sonhos...


Sonhos são a expressão da alma, são intensos desejos geradores de motivação;
É o que nos dá asas para voar, que nos deixa sem chão;
É a nossa motivação pessoal, um verdadeiro mergulho no solo fértil da fé;
É o que faz a vida se tornar interessante,
É um convite ao infinito céu!


Não pare de sonhar, nunca desista da magia dos sonhos!
Sonhos são imensos desejos que gritam no íntimo humano, procurando uma oportunidade para se concretizar.
Algumas pessoas afundaram-os no solo do esquecimento; outras, como eu, anseiam intensamente pela realização dos mesmos.
O sonho torna-se real quando você empenha-se a torná-lo real.

domingo, 21 de julho de 2013

A liberdade e o amor....


Descobri um lado do amor que não conhecia.. e isso me fez acreditar de que não entrei numa fria, entrei num mundo em que o amor tem prioridade e que valeu e vale a pena a espera... Reencontrei o GG no primeiro dia da primavera há mais de 10 anos... Não mudamos a vida de ninguem... Mudamos a nossa vida, respeitando pessoas que não sabem o valor do verdadeiro amor, pois se eu fosse o que pensam, já teria destruido vidas, mas se eu fizesse isso não seria feliz.. e eu quero ser feliz e levar comigo todos, sem reservas. Jamais construiria minha felicidade na infelicidade de alguém.
E eu espero o momento certo...
Respeito a família nossa num todo, pq a gente sabe que a nossa felicidade pode mudar vidas, mas mudar para melhor... Ainda mais agora que me sinto livre de preconceitos perante a sociedade, apenas com a consciência. 
Infelizmente existem pessoas que não entendem e não querem que isso exista, a harmonia... Mas, existe algo que se chama "tempo"...  E a vida ensina...
Ah! o tempo!!!!
Hoje a história é diferente...
Viva ao amor!!!!

sábado, 20 de julho de 2013

Dia do Amigo

 
Hoje, dei uma escapada da realidade do final de semana do virtual..
A realidade que reservo para minha família, minha casa, meu mundo longe da internet, para comemorar junto com todos meus amigos e amigas blogueiras  e blogueiros virtuais, amigos do dia a dia e meu amor, o Grandão amigo, este dia...
Sei lá quem inventou, mas vamos fazer parte da turma que tem amigos, assim como eu, como você...  quem quiser..
Um dia comum como todos os outros, mas com um significado diferente, o de lembrar os valores, mesmo que num dia comum...
Vale a pena quando a alma não é pequena...
Descobri que posso estar errada, mas o amor que tenho, supera isso.
Sou simples, real, verdadeira, honesta, integra, sincera, repleta de sonhos e verdades que somente cabe a mim o valor, mas meus verdadeiros amigos estão comigo sempre...
Eu sei quem sou e tenho orgulho disso!
Sou uma mulher temente a Deus e isso me basta!
 
Feliz dia do amigo!
 

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Vamos cultivar a paz...

Acordei com a sensação de que amo viver, apesar da dor que sinto no corpo.
Penso que Deus me deu a chance de encontrar o amor que não sabia existir, e me deu de um jeito tão dificil de entender, mas tão bom de vivenciar, que quero acreditar que serei muito mais feliz do que sou hoje, ao lado de um homem que sabe que devemos encontrar a saida sem machucar ninguém senão a nós mesmos.


Vamos então cultivar a paz...
Já vi grandes proezas no mundo.
Coisas extraordinárias onde a mente busca uma explicação racional e não encontra.
Mas nunca vi alguém alcançar o horizonte com a cabeça voltada para o chão.
Nunca vi ninguém vencer na vida e sentir-se vencedor, sem que essa pessoa não tenha que ter passado por caminhos pedregosos e não tenha levantado a cabeça e colocado mãos à obra, tirando uma a uma as pedras.
Grandes pessoas fazem grandes coisas.
Grandes pessoas compreendem antes das outras que é necessário um comportamento físico e espiritual de uma pessoa vitoriosa para que a vitória seja alcançada.
E como dizia Letícia Thompson:
As soluções que Deus nos dá muitas vezes são pequenas sementes que precisamos plantar e cultivar com fé e determinação.
A paciência e perseverança fazem parte do dia-a-dia de todo jardineiro que nunca desiste, mesmo se o solo é árido, se não chove e que ele precisa fazer um esforço a mais para continuar acreditando que o mundo poderá florescer novamente.
Pense nisso... 
Muita Paz!

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Acreditar...

Recebi essa mensagem do Grandão, que disse que lembrou de mim quando leu....

"Para realizar grandes conquistas, devemos não apenas agir, mas também sonhar; não apenas planejar, mas também acreditar"
(Anatole France)

Eu...

Oi amigos, amigas, seguidores... eu sofri um pequeno acidente na terça feira a noite na volta do trabalho para casa, pois aqui em São Paulo estão fazendo "melhorias" nas ruas deixando alguns buracos, e infelizmente não vi um deles e fui parar dentro de um... em plena Avenida Faria Lima... me socorreram e eu ri muito apesar da dor quer senti.
Acho que precisava ver a sensação de ser "tatu" por uns momentos. O resultado foram pequenas escoriações, edemas nas costelas, contusão no antebraço e inchaço considerável. Mas, estou bem, como podem ver. Estou por aqui agora, fazendo minhas visitas e ficando lendo tudo de novidades que perdi. Beijos. Ritinha

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Ah! Grandão!!!

Ah! Grandão... meu menino que tanto amo...

Eu cresci, amadureci, quis ser criança novamente mas não pude.
Respeitei, de todas as formas e descobri que eu amei, que amo . . . no final me descobri.
Te encontrei, com um sorriso que me encantou, e com uma troca de olhares me perdi e depois me achei.
De todas as coisas que eu encontrei dentro de mim, busquei uma que se comparasse com aquele momento do nosso reencontro...
Eu amei . . . amo recordar.

Me encontrei, confiei, de todas as formas.. Eu me entreguei e me entrego a essa loucura chamada “amor”.
Correspondi e correspondo, imaginei e imagino, com apenas duas palavras ( te amo ) eu viajei e viajo.
E por mais que eu não quisesse... e que não fosse certo (mas o que é certo?)
Me apaixonei . . . to apaixonada!

Percebi que meus sentimentos estavam sendo correspondidos, mas não pude evitar a dor, sofrimento, sorrisos insanos, olhares vazios,
eu sofri. . . sofro, mas não desisto desse amor.

Mereço mais do que aquilo que imagino, e que quero dar a você.
Eu sou mais do que aquilo que as pessoas viram ou veem.
Eu amei e amo, me apaixonei, eu sofri e até sofro, eu chorei e até choro,  me perdi e me achei . . . no final eu cresci.
Posso olhar para trás e dizer : Eu vivi e ainda vivo !!

terça-feira, 16 de julho de 2013

Original ou cópia?


ORIGINAL OU CÓPIA?

Cada indivíduo precisa ser consciente, alerta, observador, precisa fazer experiências com a vida e descobrir o que é bom para ele.
Na existência não existe uma estrada já asfaltada e pronta.
O caminho se faz ao caminhar.
Quem anda sobre as pegadas dos outros não deixa a marca de sua passagem pelo mundo.
Tudo o que lhe der paz, tudo o que o deixar em estado de graça, tudo o que lhe der serenidade, tudo o que o aproximar da existência e de sua imensa harmonia será bom.
E tudo o que criar conflito, infelicidade e sofrimento em você estará errado.
Ninguém mais poderá decidir isso por você, porque cada indivíduo tem seu próprio mundo, sua própria sensibilidade.
Somos únicos.
Assim, fórmulas não irão funcionar.
Nunca perguntar a alguém o que é certo e o que é errado, pois estes conceitos são muito relativos.
A vida é um experimento para descobrir o que é certo e o que é errado.
Às vezes você fará o errado, mas isso lhe  proporcionará a experiência, isso o deixará consciente do que precisa ser  evitado.
Às vezes você fará algo bom e será imensamente beneficiado.
As recompensas não estão além desta vida, em outra dimensão ou no céu ou no inferno.  Elas estão aqui e agora.
Cada ação traz seu resultado, a eterna lei de causa e efeito.
Pessoas maduras são aquelas que observam e descobrem por si mesmas o que é certo e o que é errado, o que é bom e o que é ruim.
E, pelo fato de descobrirem por si mesmas, elas têm uma imensa autoridade.
O mundo inteiro pode dizer uma outra coisa, e isso não faz diferença para elas.
Elas têm suas próprias experiências para se orientarem, e isso é suficiente.
Ser você mesmo, lhe dá tudo o que você precisa, para sentir-se pleno, tudo o que pode tornar sua vida significativa, com sentido.
Você nasceu com um "original".
Não morra como uma "cópia"!

(Desconheço o autor)