Seguidores

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Bom ser amada!!!

Vou dividir um texto de Luis Fernando Veríssimo sobre as sensações de um amor que tudo pode e tudo é sem tabus e preconceitos, ri um tantão, pq ele fala do "dar" e do "amar"...
 
Mas, o bom mesmo é amar e ser amada!!!!
 
 
Dar é dar.
Fazer amor é lindo,
é sublime,
é encantador,
é esplêndido,
mas dar é bom pra cacete.
Dar é aquela coisa que alguém te puxa os cabelos da nuca,
te chama de nomes que eu não escreveria,
não te vira com delicadeza,
não sente vergonha de ritmos animais.
Dar é bom.
Melhor do que dar, só dar por dar.
Dar sem querer casar,
sem querer apresentar pra mãe,
sem querer dar o primeiro abraço no Ano Novo.
Dar porque o cara te esquenta a coluna vertebral,
te amolece o gingado, te molha o instinto.
Dar porque a vida de uma publicitária em começo de carreira é estressante, e dar relaxa.
Dar porque se você não der para ele hoje, vai dar amanhã, ou depois de amanhã.
Dar sem esperar ouvir promessas, sem esperar ouvir carinhos, sem esperar ouvir futuro.
Dar é bom, na hora.
Durante um mês.
Para as mais desavisadas, talvez anos.
Mas dar é dar demais e ficar vazia.
Dar é não ganhar.
É não ganhar um eu te amo baixinho perdido no meio do escuro.
É não ganhar uma mão no ombro quando o caos da cidade parece querer te abduzir.
É não ter alguém pra querer casar,
para apresentar pra mãe,
pra dar o primeiro abraço de Ano Novo e pra falar: "Que cê acha amor?".
Dar é inevitável, dê mesmo, dê sempre, dê muito.
Mas dê mais ainda,
muito mais do que
qualquer coisa,
uma chance ao amor, esse sim é o maior tesão.
Esse sim relaxa,
cura o mau humor,
ameniza todas as crises e faz você flutuar
o suficiente pra nem perceber as catarradas na rua.
Se você for chata, suas amigas perdoam.
Se você for brava, suas amigas perdoam.
Até se você for magra, as suas amigas perdoam.
Mas... experimente ser amada."
(L.F.V)

22 comentários:

  1. Olá Ritinha
    EXCELENTE... QUANTA MARAVILHA!!

    tem um dia feliz
    Beijos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Um texto muito bonito de L.F.Veríssimo! Às vezes também é urgente deixar-se amar.
    xx

    ResponderExcluir
  3. Ele é maravilhoso.Bela escolha a tua! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  4. Ritinha

    eu ri muito rs...

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  5. Ritinha

    Valeu muito a pena ler o belo e imaginativo poema de Luís Fernando Veríssimo, pelo que ele terá de empolgante e sedutor.
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi Ritinha
    Tinha que vir de você sua amada amante.kkk
    Já nos faz sorrir ao amanhecer
    Vou dar duro no nhoque que estou fazendo.Hum! Que delícia!
    Obrigada
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  7. Bom dia Ritinha.. o verbo amar e o poder sempre presente nos nossos dias.. as pessoas precisam voltar a fazer amor como o amor deve ser feito.. espero que as coisas voltem ao que eram.. bjs e um lindo dia

    ResponderExcluir
  8. Lindo texto de Luis Fernando Veríssimo!

    Amar é tudo e devemos doar amor,para recebê-lo em troca.
    Seja de qualquer forma,mas que seja verdadeiro.
    bjs amiga Ritinha.
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Olá,
    Belo texto do Luís Veríssimo, dar por dar sem pedir nada em troca sempre existe a compensação, neste caso será o amor.

    ag

    ResponderExcluir
  10. Amor e assim mesmo reciprocidade ,beijinhos

    ResponderExcluir
  11. Olká Ritinha

    Um texto/poema divertido em que a brincar se dizem coisas muito sérias

    Fique feliz
    *****************************
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  12. Amei.......... Dar é dar :)
    Beijos
    http://segredosdacahlima.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá Ritinha,eu sempre a vejo nos blog que sigo,hoje entrei para conhecer,adorei o texto,e lindos poemas.Amei conhecer seu blog parabéns ,voltarei sempre beijinhos.

    ResponderExcluir
  14. Lindo texto, quando se ama quer dar o melhor para a pessoa amada.
    Bjos e tenha um ótimo dia.

    ResponderExcluir
  15. Ele é incrível
    http://www.jeitosimplesdeser.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Cara Ritinha
    O marcador diz "Ausência"...
    Um filho que perdi faria anos a 28 de Setembro...só quem me conhece bem é que pode saber como estes dias são difíceis de passar!

    Abraço

    ResponderExcluir
  17. Oi Ritinha ,passei para desejar a vc uma noite repleta de amor e carinho ,bjs.http://crismandarini.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. KKK Incorrigível Veríssimo_ escreve o que quer sem se preocupar com o 'politicamente correto' rsrs
    Quem dá muito pode ficar sem 'nada'_ é a pior parte do 'dar'.
    Gostei Ritinha - boa partilha,
    e fica meu abraço e carinho

    ResponderExcluir
  19. Veríssimo é sensacional! Boa postagem Ritinha! Boa semana pra vc também.

    ResponderExcluir
  20. Bom dia!!!
    Conheci o amor aos 52 anos,foi me apresentado de uma forma já madura e confiante.Esta valendo a pena cada instante.
    Grande abraço
    se cuida

    ResponderExcluir
  21. Uau, que texto maravilhoso!!
    Amiga, nunca mais te vi no meu blog... não tá chateada comigo, né?
    De qualquer forma, bom vir aqui ler teus textos carregados de amor e paixão, são sempre inspiradores. Beijos!

    ResponderExcluir